Dois poemas de Tággidi Ribeiro

03/06/2018 / postado por Arthur Lungov

III Era então essa a espera Estava eu prenhe A solidão emprenha   O útero seco do útero seco brota […]

Continue lendo

Um nome basta para dizer quem somos?

28/05/2018 / postado por Lucas Verzola

No romance Karen, a escritora portuguesa Ana Teresa Pereira constrói e desconstrói posições e papéis por meio de uma trama […]

Continue lendo

Oito poemas de Matheus Guménin Barreto

23/05/2018 / postado por Arthur Lungov

O Que Vale Um Poema O que vale um poema menos que uma greve menos que o operário menos do […]

Continue lendo

Dois poemas de Pedro Augusto Pinto

12/05/2018 / postado por Arthur Lungov

Paisagens I A rua amarga o sul da América domingo infindo, outubro enfim.   Em mim: o túmulo o que […]

Continue lendo

Musica visiva, por Fabio Strinati

28/02/2018 / postado por André Balbo

Nota dos editores: Essa é a primeira colaboração internacional não-lusófona para a Lavoura. Com esse tipo de intercâmbio, esperamos encorajar […]

Continue lendo

Ficção com cara de biografia

26/02/2018 / postado por André Balbo

Outros cantos, romance vencedor do Prêmio São Paulo de Literatura 2017, de Maria Valéria Rezende, acompanha a personagem Maria em […]

Continue lendo

“Fantasmas na praia”, conto de Camilla Feltrin

22/02/2018 / postado por Lucas Verzola

A casa que Martina e eu alugamos era bem bonita, com duas suítes, sala grande e cozinha arejada. O terreno […]

Continue lendo

Dois poemas de Laís de Aquino

19/02/2018 / postado por Lucas Verzola

Reiterações sobre um tema o vento no canavial as bandeirinhas de Volpi os leões que Hokusai desenhou todos os dias […]

Continue lendo

“Calvo Balbino”, de Rui Condeixa Xavier

05/02/2018 / postado por André Balbo

Calvo Balbino, bêbado imprestável, mendigo por vocação e vício, detestava gente torta, manca e aleijada. Não podia ver cego, mutilado […]

Continue lendo

Três poemas de Bruno Rosa

30/01/2018 / postado por Arthur Lungov

a caça capturar na palavra pássaro seu voo circunflexo na palavra dobradiça a pele do aço enferrujado na palavra água […]

Continue lendo

Três poemas de Luana Claro

24/01/2018 / postado por Arthur Lungov

pelas partes de pernas que passam e revelam mais pernas vejo e fico em dúvida de qual é o meu […]

Continue lendo

Quatro poemas de Marcelo Labes

22/01/2018 / postado por Arthur Lungov

não é nos olhos das crianças mas no decúbito dos bêbados que amanhecem nas calçadas que reside a inocência.   […]

Continue lendo

Páginas1234