Quatro Poemas de Luís Perdiz

19/06/2018 / postado por Arthur Lungov

Fera o amor é delírio com seus sopros sedentos de esporos na mata esparsa onde nossa derme se reveste na […]