“Vingança”, conto de Natalia Timerman

“Vingança”, conto de Natalia Timerman

novembro 21, 2018 1 By revistalavoura

Ela rebola mais do que anda, calmamente, um passo depois do outro, um exagerado próprio na caída do quadril nas laterais, dela, só dela, anda como se estivesse num campo florido, talvez numa passarela, nunca em plena avenida Consolação em movimento, no espaço vertiginoso deixado ao acaso entre a passagem veloz de um e outro carro, meu deus, meu deus, eu exclamo em voz alta ao olhar, ali do ponto de ônibus entre Paulista e Consolação, ela vai ser atropelada, um carro freia, outro desvia, um terceiro quase bate no de lá para não passar por cima dela, que segue andando, mais um rebolado, calmamente, quase preguiçosamente, como se sóbria, como se bêbada, as buzinas ignoradas por ela assim como os olhares, o corpo alto, os ombros largos, braços fortes, calça jeans apertada e blusa justa, o cabelo descolorido crespo amarrado num coque, vai morreeeeer!, uma mulher grita de dentro de um carro que passa, o grito esvaindo-se como o barulho dos carros de fórmula 1, e ela, de dentro de seu tamanho, de seu andar gingado, de sua dor, responde, a voz grossa fina demais, cantada, na cadência dos passos, vem me matar, meu amor.

_

Natalia Timerman é médica psiquiatra pela Unifesp, mestre em psicologia pela USP e escritora. Publicou Desterros – histórias de um hospital-prisão (Elefante, 2017) acerca de seu trabalho no Centro Hospitalar do Sistema Penitenciário, onde atua desde 2012. “Vingança” é parte de um livro de contos que será publicado em 2019 pela Editora Quelônio.